Alimentos pós-treino: o que comer

Nutrição

Gostei

Ingerir alimentos no pós-treino é essencial para construir massa muscular e manter mente e corpo saudáveis. No entanto, após um treino intenso, podemos ser tentados pela comida mais próxima para satisfazer a fome. E, vamos combinar, nessas horas nem sempre fazemos as escolhas mais saudáveis do mundo...

Como parte de uma dieta equilibrada, ao escolher alimentos nutritivos, podemos ajudar nosso corpo a se recuperar e a construir músculos. Abaixo, compartilhamos as informações essenciais a respeito do assunto para você.

Quanto tempo depois do treino devo comer?

Você já se perguntou quanto tempo após o exercício você deve comer? Primeiro, quando nos exercitamos, usamos alguns de nossos estoques de glicogênio e quebramos algumas proteínas que estão guardadas em nossos músculos. Então, depois do treino, nosso corpo se esforça para reparar e regenerar essas proteínas e para reabastecer os estoques de glicogênio.

Segundo a Sociedade Internacional de Nutrição Esportiva, é preciso hidratar novamente o organismo e comer alimentos com alto teor de carboidratos pelo menos 30 minutos após o treino para uma recuperação ideal. Após cerca de até 3 horas do exercício, a ingestão de proteínas e outros carboidratos é recomendada para uma boa recuperação dos músculos. Afinal, a ingestão de proteínas vai ser essencial para a manutenção e crescimento da massa muscular.

Que tipo de comida vale mais a pena ingerir logo após o treino?

Antes de fazer aquele lanche pós-treino, a coisa mais importante é hidratar-se. Qual a razão disso? Primeiro, porque o suor é composto principalmente por água e sódio. E como os treinos fazem você suar, é necessário tomar água para repor os líquidos perdidos durante o treino. Também é importante para você, atleta, manter um bom nível de sódio e potássio no organismo. Vale considerar as bebidas com uma pequena quantidade de sódio, pois ajudam na retenção e na distribuição de líquidos pelo corpo.

Agora, para ajudar na recuperação muscular no pós-treino, é importante também comer alimentos que contenham carboidratos e proteínas.

Se você é tão fissurado em proteínas quanto nós, deve saber que são nutrientes essenciais a se buscar após uma sessão de treinamento. Comer alimentos ricos em proteínas de alta qualidade fornece ao corpo os aminoácidos necessários para reconstruir os músculos que foram danificados durante a atividade física. Tente consumir proteínas em até 24 horas após o exercício.

Existem muitas fontes de proteínas que você pode escolher, como leites, ovos e produtos à base de proteínas vegetais, como soja, por exemplo, cada um contendo aminoácidos essenciais. Produtos com whey protein são ótimas opções para o pós-treino, pois seus aminoácidos são rapidamente absorvidos pelo corpo, ajudando na reconstrução da massa muscular.

E adivinha? YoPRO contém 15 ou 25 gramas de proteínas, por porção, incluindo os 9 aminoácidos essenciais e whey protein.

Mas as proteínas não são os únicos nutrientes necessários no pós-treino. Seu corpo também precisa repor os estoques de glicogênio, utilizados durante o treino. Comer alimentos com alto teor de carboidratos é uma ótima opção para o período de recuperação.

Não tem certeza de quanto você deve comer? A Sociedade Internacional de Nutrição Esportiva recomenda o consumo de 8 a 10 gramas de carboidratos por quilo de peso no pós-treino. Lembrando que estas recomendações são referentes à rotina e ao organismo de atletas. Para saber a quantidade ideal para você, é importante consultar um médico e/ou nutricionista.


Foque em alguns alimentos para favorecer a recuperação muscular

Para que você não fique sem ideias, dê uma olhada nesta lista de diferentes alimentos com nutrientes importantes para ajudá-lo na recuperação após o treino.

Proteínas lácteas

O whey, a caseína e seus derivados, presentes nos iogurtes, por exemplo, podem ser uma ótima opção. O iogurte ou bebida láctea YoPRO contém 15 ou 25 gramas de proteínas por porção e é uma ótima escolha. Nos deliciosos sabores como morango, doce de leite e vanilla coffee, são ricos em proteínas que ajudam a recuperar os músculos. Experimente!

Carnes, ovos e alternativas à base de proteínas vegetais

Produtos de origem animal, como frango, carne e ovos, são ótimas fontes de proteínas.

Se você está procurando um lanche com proteínas de origem vegetal, a soja pode ser uma ótima alternativa, além de ser rica em fibras e vitaminas do complexo B.

Barras de proteínas e snacks proteicos

Se você precisa de um lanche fácil de transportar logo após sua sessão de treinamento, dê uma chance para as barras de proteínas e os snacks proteicos. Você mesmo pode prepará-los: escolha sua receita favorita e prepare algumas porções de uma só vez. Assim, você deixa seu lanche crocante pronto para a próxima sessão de treino! Para fornecerem boas quantidades de proteínas, inclua ingredientes como aveia ou amêndoas.

E o que acontece se eu não comer no pós-treino?

Talvez você tenha uma vida agitada ou simplesmente não esteja com fome após o treino. Mas não comer pode ter um impacto negativo em seu corpo, como aquela sensação de cansaço ou desorientação, uma vez que o nível de açúcar no seu sangue ficará mais baixo. Lembre-se de que seus músculos contam com os nutrientes consumidos no pós-treino para ajudá-los a se recuperarem!

  • CURIOSO PARA CONHECER NOSSA BEBIDA LÁCTEA UHT?